ASSOCIAÇÃO RURAL DE PELOTAS DEFINE MÉRITO RURAL 2022

284
O prêmio Mérito Rural da 96ª Expofeira de Pelotas será entregue ao administrador de empresas e agropecuarista, Gabriel Mello Souza Fernandes. Foto: Arquivo / Divulgação

Agropecuarista e administrador de empresas Gabriel Mello Souza Fernandes é o Mérito Rural 2022 da Expofeira de Pelotas

O prêmio Mérito Rural da 96ª Expofeira de Pelotas será entregue ao administrador de empresas e agropecuarista, Gabriel Mello Souza Fernandes, de 45 anos, representante de uma família que há quatro gerações se dedica a produção agropecuária na Zona Sul do RS. A homenagem acontece na noite de 6 de outubro, na Associação Rural de Pelotas (ARP).

Responsável pela administração da Estância Santa Maria, localizada em Pedras Altas, Gabriel Fernandes formou-se em Técnico Agrícola pelo Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça (CaVG) e em Administração de Empresas pela Universidade Católica de Pelotas e trilhou uma carreira no mundo corporativo, com passagens por empresas como Josapar, Embratel e Ambev antes de se dedicar a propriedade da família ao lado do pai, Sérgio, já falecido, e os irmãos André e Sérgio Júnior.

Pós-graduado em Gestão Empresarial pela Universidade Federal do Rio Grande, defende a necessidade da adoção de uma visão empresarial sobre as empresas agropecuárias familiares.

“Tive uma experiência de mercado e pude perceber a importância de levar essa visão para o negócio familiar e hoje temos um olhar baseado em quatro estratégias fundamentais: o retorno financeiro para a família, a responsabilidade social com os trabalhadores, o retorno para sociedade através do município e a preservação do meio ambiente e da terra que são obras de Deus”, diz.

A partir deste modelo a Estância Santa Maria trabalha, atualmente, com criações de bubalinos e bovinos da raça Angus, integradas com o plantio de soja irrigada no pivô central e semente de azevém BRS Ponteio – cultivar desenvolvida pela Embrapa e da qual a Santa Maria é multiplicadora há mais de uma década – maximizando, assim, os resultados pela integração lavoura pecuária.

Dentro do sistema adotado os investimentos em irrigação surgem, conforme Gabriel Fernandes, como o grande diferencial da propriedade para alcançar os resultados desejados. “O grande insumo do agro, hoje, é a informação. Conhecer novas tecnologias faz o negócio dar certo. No nosso caso a irrigação proporciona ter uma produção alta e constante, pois na nossa região se sofre muito com a seca e a irrigação propicia ter safras cheias todos os anos”.

PREOCUPAÇÃO SOCIAL

A visão empresarial focada nos resultados, todavia, não afeta a percepção humanizada do processo de produção e a preocupação com a qualidade de vida e resultados para os 15 funcionários da empresa e suas famílias, que vivem na Estância. Para Gabriel Fernandes tanto quanto os proprietários, os colaboradores também devem estar satisfeitos com o negócio.

“Antigamente se falava em capital e trabalho e hoje podemos falar em capital, trabalho, informação, tecnologia e pessoas. Se o teu colaborador não estiver satisfeito você vai ficar sozinho, pois o mercado mudou”, diz.

MOMENTO

Apaixonado pelo campo e pela forma que escolheu ganhar a vida, Gabriel Fernandes demonstra preocupação com relação a atividade. “Estamos vivendo um período difícil em função da alta dos custos de produção e por mudanças radicais e precisamos superar isso. A segurança alimentar das pessoas no mundo depende do agronegócio, precisamos com a mesma importância que damos a uma vacina ou a saúde, pois sem alimento o mundo entra em guerra e não sobrevive”, afirma.