SUCESSO NOS PRIMEIROS DIAS DE FEIRA DO LIVRO EM PELOTAS

199
O movimento dos primeiros dias de feira, para quem está trabalhando no evento, deram um gostinho de como podem ser as próximas semanas. Foto: Feira do Livro

Em colaboração com o Diário Popular

Os dias de sol e temperaturas mais altas atraíram centenas de pessoas para a 49ª Feira do Livro de Pelotas. Na tarde deste domingo (29), que findava o primeiro final de semana do evento, a praça Coronel Pedro Osório contou com a visita de pessoas de todas as idades com o objetivo de passear e também de adquirir livros. A feira, que se estende até o dia 15 de novembro e funciona das 13h às 21h, também conquistou os visitantes através de atividades culturais ao longo da tarde e dos espaços de lazer e convivência na praça.

Direto do Capão do Leão, a agente de saúde Rosane Valadão, 54, e o autônomo Antônio Valadão, 53, aproveitaram a tarde para dar um passeio na feira e procurar pelo livro de uma amiga escritora. O título não foi encontrado, mas o casal não saiu de mãos vazias. “Comprei Machado de Assis e, não é usado nem nada, e achei o preço super bom”, conta Rosane. Para Antônio, a estrutura e as opções oferecidas pela feira atenderam a todas as expectativas. “Valeu a pena [a vinda]. Muito bem aproveitado. Bem atendidos, bastante gente, boa infraestrutura, está de parabéns”, avalia.

Já na seção infantil, o pequeno Davi, de quatro anos, junto da mãe, Tais Delias, 31, olhava com curiosidade para os livros em busca de um título para levar para casa. “Viemos passear e agora estamos vendo um livro [para ele]. Chegamos agora há pouco, mas está tudo bem legal. Acho que ainda vamos comprar algo”, comenta.

Boas expectativas
O movimento dos primeiros dias de feira, para quem está trabalhando no evento, deram um gostinho de como podem ser as próximas semanas. Há 20 anos participando da Feira do Livro, o livreiro Nilo Ramm avalia que o primeiro fim de semana teve mais movimento em relação ao ano passado. “Ta melhor que os outros anos. Desde o primeiro dia tem gente circulando, sempre está com movimento. Outros anos não era assim”, observa. A boa visitação, segundo Ramm, também está se refletindo nas vendas. “Pessoal está comprando, tem saído bastante livro. Com certeza [traz boas expectativas]”, comenta.

A vendedora de uma livraria, July Kruger, também avalia positivamente o primeiro final de semana de feira. “Passou bastante gente, pessoal de fora [da cidade] também veio conhecer, de Rio Grande, Canguçu, São Lourenço do Sul. Acho que o pessoal primeiro está chegando para conhecer a feira, mas tem gente que vê um livro que não quer perder e já compra”, pontua.

Queridinhos
Com os mais diversos gêneros, autores e títulos à disposição do público, a Feira do Livro oferece opções literárias para todos os gostos. No entanto, os primeiros dias já indicam alguns títulos preferidos de quem visita a praça. Entre os leitores mais jovens, por exemplo, a procura por obras da escritora norte-americana Colleen Hoover tem sido bem significativa. “Essa autora tá famosa nas redes sociais, então o pessoal tá procurando bastante”, avalia July. Romances e histórias de terror, segundo outro vendedor, também estão entre os mais procurados pelo público até agora.

Programação
Além da venda de livros, a feira também reúne uma extensa agenda cultural ao longo da realização do evento. Nesta segunda, a partir das 14h, estão previstas atividades diversas da Escola Sesi e do Sebrae, apresentação escolar do Colégio Alfredo Simon, atividades literárias do Sesc e uma apresentação teatral do Grupo Malv. Na conta oficial da feira no Instagram (@feiradolivropelotas) é possível acessar todas as atividades que ocorrerão ao longo do evento.