INVESTIMENTOS DE MAIS DE R$ 4 MI NAS ESTRADAS ESTADUAIS DA ZONA SUL

132
Equipes também atuam na duplicação da ERS-734, em Rio Grande – Foto: Divulgação Daer

Serviços incluem reparos nos pontos críticos da RSC-471 e patrolagem da ERS-265, RSC-473 e ERS-704

.
Texto: Liana Ramos Carvalho
.
O Plano de Investimentos em Rodovias para o segundo semestre deste ano está sendo empregado pelo Governo do Estado para melhorar as condições de trafegabilidade das rodovias da região Sul do Rio Grande do Sul. Ao todo, R$ 4 milhões estão sendo investidos na recuperação dos pontos críticos da RSC-471, entre Canguçu e a localidade de Coronel Prestes, em Encruzilhada do Sul, e na patrolagem da ERS-265, entre Canguçu e Piratini, e da ERS-704 e RSC-473, entre Pedro Osório e Arroio Grande. “Anunciado pelo governador Eduardo Leite este mês, o novo Plano prevê a aplicação de R$ 27,8 milhões na malha rodoviária da região ainda em 2023. Com esse aporte financeiro, conseguiremos atuar nas obras das ligações regionais de Canguçu e Piratini e na travessia de Rio Grande, nos acessos municipais de Pedras Altas e Amaral Ferrador e, ainda, reduzir os principais trechos danificados das estradas, tornando o deslocamento mais seguro e confortável”, afirma o secretário Juvir Costella.
.

Melhorias nas condições de trafegabilidade das rodovias ERS-265, ERS-704 e RSC-473 estão sendo efetuadas desde setembro – Foto: Divulgação Daer
Na RSC-471, o trabalho ocorre nos pontos localizados em um segmento que totaliza 59,89 km de extensão. Os serviços de recapeamento e manutenção asfáltica começaram na primeira quinzena deste mês e encerram na terça-feira (31/10). “Essa é a primeira etapa das intervenções na rodovia. Já estamos programando novas ações, que devem ser realizadas entre o final de novembro e o início de dezembro”, revela o diretor-geral do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), Luciano Faustino.

Também encerra no final deste mês a patrolagem da ERS-265, ERS-704 e RSC-473. Desde o início de setembro, a atividade acontece nessas estradas.

“Estamos com várias equipes em ação conservando rodovias. Atualmente, também acontecem as obras de duplicação da ERS-734, em Rio Grande. No momento, ocorre a terraplenagem, drenagem e pavimentação do lado direito dessa rodovia até o quilômetro três. Na sequência, será efetuada mais uma etapa fundamental: o desligamento da energia elétrica para que haja o remanejamento da rede”, afirma Faustino. Segundo o dirigente, aproximadamente R$ 54,9 milhões serão disponibilizados para a ERS-734, que deve ser concluída no segundo semestre de 2024.