ESPETÁCULO HOMENAGEIA AVENDANO JÚNIOR

236
Autodidata no cavaquinho, Avendano se apresentava com seu grupo no bar Liberdade, que se tornou local tradicional do estilo musical no município e que reunia um público de diferentes classes sociais e gerações. Foto: Revista do Choro.

Apresentação, que acontece nesta quarta-feira no Theatro Guarany, em Pelotas, às 20h30, está com ingressos esgotados

Uma das figuras mais célebres do choro no Brasil, Avendano Júnior será reverenciado nesta quarta-feira, 25 de janeiro, em apresentação no Theatro Guarany, em Pelotas. O espetáculo “Avendano Júnior: a tradição do choro em Pelotas” faz parte da programação do 11º Festival Internacional Sesc de Música e irá resgatar clássicos do compositor pelotense e revisitar a memória coletiva e sonora das noites musicais no bar Liberdade.

Três gerações de músicos sobem ao palco às 20h30 para prestar homenagem não só ao legado artístico, mas também à pessoa que ele foi, sempre lembrado por sua generosidade e humildade. Participam Paulinho Martins, Regional Avendano Jr. e Clube do Choro de Pelotas em um espetáculo que promete emocionar o público.

Autodidata no cavaquinho, Avendano se apresentava com seu grupo no bar Liberdade, que se tornou local tradicional do estilo musical no município e que reunia um público de diferentes classes sociais e gerações. Ele faleceu em 2012 e sua herança cultural é exaltada de diversas formas. A cidade tem a data do seu nascimento, 19 de novembro, como Dia Municipal do Choro. No Mercado Central, um dos pátios recebeu seu nome, assim como uma das cadeiras do Conservatório de Música.

Os ingressos prévios já estão esgotados. Quem não conseguiu adquirir o seu, pode tentar no dia, às 19h, onde haverá um número limitado de ingressos à disposição. Sugere-se a doação de 1kg de alimento não perecível por pessoa para o programa Mesa Brasil Sesc.

Sobre o Festival Internacional Sesc de Música

Em sua 11ª edição, o evento tem como objetivo incentivar o desenvolvimento da produção musical, fomentar o intercâmbio e o desfrute de bens culturais. Promovido pelo Sistema Fecomércio-RS/Sesc/Senac, por meio da Lei de Incentivo à Cultura do Governo Federal, em parceria com a Secretaria Especial da Cultura e Ministério do Turismo, e tendo como diretor artístico o maestro Evandro Matté, o Festival atua em dois eixos principais: Pedagógico e Sociocultural. No plano Pedagógico, são ofertados cursos de instrumentos, composição, canto lírico, choro, prática de música de concerto e câmara, prática de orquestra e prática de banda sinfônica para estudantes e profissionais da música.

Já no Sociocultural, são realizados recitais de professores e alunos, além de uma ampla programação de espetáculos gratuitos, abertos a toda comunidade. Para este ano, o Festival conta com o patrocínio master da CMPC, do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), apoio do Grupo Panvel, apoio cultural da Universidade Católica de Pelotas (UCPel), Universidade Federal de Pelotas (UFPel), Bibliotheca Pública Pelotense, Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (Ospa), Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos) e Expresso Embaixador e apoio institucional da Prefeitura Municipal de Pelotas.

Avendano Júnior: a tradição do choro em Pelotas

Data: 25/01 (quarta-feira)

Horário: 20h30

Local: Theatro Guarany (Rua Lobo da Costa, 849)

Ingressos: Os ingressos prévios já estão esgotados. Quem não conseguiu adquirir o seu, pode tentar no dia, às 19h, onde haverá um número limitado de ingressos à disposição. Sugere-se a doação de 1kg de alimento não perecível por pessoa para o programa Mesa Brasil Sesc.