JANTAR CELEBRARÁ OS 45 ANOS DO TREZE HORAS

210
Nos 30 Anos do programa o orador oficial foi o decano do Treze Horas, José Gomes Neto. Foto: Arquivo do Treze Horas.

Os 45 Anos do Programa Pelotas Treze Horas – 13H -, transcorrido no último dia 6.11, serão celebrados com um jantar no próximo dia 29 de novembro, às 20h30min, no Salão do oitavo andar do Edifício da Associação Comercial de Pelotas. A iniciativa é de um grupo de amigos e frequentadores do programa, com o apoio da Associação Comercial de Pelotas. A participação no evento será por meio de adesão. Elas podem ser reservadas através dos contatos do próprio Treze Horas: [email protected] – 53 98114 8808 – 53 99125 6333.

O TREZE HORAS

Pelotas 13 Horas é um dos mais antigos programas brasileiros de rádio ao estilo mesa de debates. O programa, é apresentado diariamente pela Rádio da Universidade Católica de Pelotas, dura uma hora e meia – das 13h às 14h30min – foi ao ar pela primeira vez em 6 de novembro de 1978, na ocasião da eleição do Papa João Paulo I. Até hoje, é apresentado pelo jornalista Clayton Rocha, tendo como principal assunto o cenário público de Pelotas, focando-se principalmente na política municipal e tratando as demais áreas.

CLAYTON ROCHA

Impossível falar sobre o Programa Pelotas Treze Horas sem iniciar mencionando o nome de seu criador e âncora há 41 anos, o jornalista Clayton Rocha.  Espaço onde o ‘debate é livre e a opinião independente’ (slogan do programa), o Treze Horas é parada obrigatória de grandes personalidades que visitam Pelotas, como políticos, atores, cantores, representantes de comunidades, profissionais, enfim, local onde qualquer pessoa possa abordar questões de interesse geral. O programa conta na sua retaguarda de produção com o jornalista e radialista Paulo Francisco Gastal Neto, há mais de 30 anos.

Valorizado pelos pelotenses, o 13 foi idealizado no ano de 1978, na cidade do Vaticano, por ocasião da eleição do Papa João Paulo I. No episódio, a Rádio Universidade Católica de Pelotas fez a inédita transmissão da eleição de um Papa. Com a ideia do programa, e de volta a Pelotas, o âncora levou ao ar, pela primeira vez, o Pelotas 13 horas. Era dia 06 de novembro de 1978 e o debate contou com a presença de figuras famosas da cidade. Nestes 41 anos o programa foi transmitido de 04 continentes, sendo o segundo debate diário mais antigo do Brasil.

Sob o lema “Debate livre e opinião independente”, 35 profissionais liberais, além de jornalistas e homens do rádio, participam dos debates diários, transmitidos do “Salão Amarelo”, amplo estúdio para 30 pessoas, no 7º andar do Palácio do Comércio, no centro de Pelotas-RS. O programa tem caráter opinativo e vai ao ar pontualmente às 13 horas. Os habitantes de Pelotas podem sintonizar a rádio na frequência 1160, pela modulação AM. Os três debates de rádio mais antigos do país são: “Sala de Redação”, da rádio Gaúcha de Porto Alegre; “Pelotas 13 Horas”, da rádio Universidade Católica de Pelotas; e rádio Jornal do Brasil, debate criado em 1983.