TREZE HORAS 45 ANOS – MENSAGENS RECEBIDAS

187

________________________________________________________________________

Equipe Treze Horas

Parabéns, Clayton e equipe 13 horas pelos 45 anos de estrada! Construíram mais do que um programa ao longo desse tempo.

Prefeita Paula Shild Mascarenhas

________________________________________________________________________

Salve, Clayton! Salve, público do Pelotas 13 Horas!

Recebam meu abraço e permitam que celebre com vocês a chegada do Pelotas 13 Horas aos 45 anos. É uma conquista raríssima e absolutamente gloriosa, construída pelo Clayton e por todas as parcerias que ele provocou, inspirou, mobilizou e, felizmente, continua e continuará provocando, inspirando e mobilizando.

Comemore-se que cada edição do 13 Horas é uma obra de amor e de dedicação ao jornalismo, especialmente ao radio jornalismo.

Comemore-se ainda, por exemplo, que cada edição do 13 Horas é também uma obra de amor e de dedicação a Pelotas, berço e destino do programa, mesmo que tenha sido transmitido de dezenas de cidades brasileiras e estrangeiras.

Não sei bem se por capricho ou cautela de idoso, tenho medido o tempo pelos dias. Cálculo que 45 anos têm mais de 16 mil dias e que, nessa imensidão, o 13 Horas de “debate livre e opinião independente” foi ao ar em mais ou menos 12 mil dias. É a epopeia de Clayton Rocha – sempre em construção, mas há muito justamente consagrada.

Jornalista Robson Barenho

________________________________________________________________________

Depoimento de Ramacés Hartwig sobre os 45 Anos do Treze Horas.

________________________________________________________________________

EQUIPE TREZE HORAS

Parabenizo o prezado amigo pelos 45 anos do Treze. Manter um programa no ar por tanto tempo, é tarefa de muita dedicação, persistência ,amor e crença no Rádio e vontade de lutar permanentemente por Pelotas e Região. A nossa Rede, as Emissoras que represento , desejam que continues a nos representar com esse entusiasmo que se renova a cada dia e diante de novos desafios.

Grande abraço.

Radiodifusor Sebastião Ribeiro Neto – Rádio Liberdade de Canguçu

________________________________________________________________________

Ao Treze Horas

Para os 45 anos do 13 Horas, numa data significativa, vale dizer que não há preocupação com o amanhã, porque para o CR à frente do 13 há o hoje para comemorar. Parabéns, Clayton Rocha amigo de uma vida e ao 13 que é perene ao tempo.

Jairo Halpern – Coordenador Jurídico da UCPEL

________________________________________________________________________

Amigo Clayton

Que bonito! 45 anos do 13H, logo ali 50! Logo ali meio século da tua voz, tenaz e inconfundível, se propagando com energia pelo ar em tantas e múltiplas coberturas. O amor pela notícia, pela história, mas sobretudo a consideração pelo outro, pela cidade e a região. Tu és o homem-memória. O homem que, quando todos em volta parecem ter esquecido, e por ventura esquecem de fato, se apresenta e preenche os brancos, os vazios; o homem que não cede às debilidades, não se conforma com as lacunas e as indiferenças, o homem para quem todo o vivido, todo o que vive, sempre tem um valor imensurável, pelo que nos compõe e justifica, o que me parece a expressão de um amor sem nome pela vida. Meus cumprimentos a ti, ao Paulo Gastal e a todos que estão e estiveram em tua equipe, assim como teus colaboradores nos debates, que, com sua presença constante através dos anos, são em si uma homenagem diária. Meu abraço. Parabéns!

Jornalista Rubens Amador – www.amigosdepelotas.com.br – Amigos de Pelotas

________________________________________________________________________

EQUIPE TREZE HORAS

45 anos é quase a metade da idade da rádio no Brasil.
Quantos programas jornalísticos ficaram no ar por tanto tempo, desde então?
Eu lembro do Clayton Rocha transmitindo a Copa de 78 na Argentina.
Estava com o passe emprestado à nascente RBS.
Eu já não morava mais em Pelotas, mas o Clayton é alcançável em qualquer lugar. Desde sempre.
Como é o 13 horas hoje.
Estamos sempre em linha.
Este programa vai durar mais ainda pois o centenário radiojornalismo está revigorado.

Jornalista Luiz Lanzetta

________________________________________________________________________

Prefeito de Bagé Divaldo Lara fala sobre os 45 Anos do Treze Horas.

________________________________________________________________________

EQUIPE TREZE HORAS

Parabéns ao Pelotas 13 horas pelos “45 meses”… Não ia durar 6 meses… Já dura 45 Anos!!!

Jornalista Luiz Carlos Vaz

________________________________________________________________________

EQUIPE TREZE HORAS

Parabenizo toda a equipe do Programa Treze Horas pelos 45 anos de existência. Com certeza um dos maiores orgulhos de Pelotas. Que venham muitos anos de audiência nos trazendo cultura, discernimento e alegria. Um abraço em especial ao Clayton.

Maria Clara Rodrigues Marques Dias, ouvinte.

________________________________________________________________________

À EQUIPE TREZE HORAS

O tempo, embora longo, é supérfluo. O que marca história do Treze Horas é sua mão forte e decisiva no desenrolar das grandes questões regionais, as quais não fosse essa contribuição ainda permaneceriam insolúveis, sem falar que algumas instituições já teriam fechado as portas. O Treze faz parte da família de muitos de nós nesses 45 anos. Importa não esquecer as transmissões internacionais que nos conectaram com o mundo. É um irmão mais moço para muitos, como eu. Mas é a voz que sempre ouço antes de decidir. Parabéns a tantos quantos contribuíram com essa história, mesmo os que ficaram no anonimato.

Jornalista Renato Varoto

________________________________________________________________________

Depoimento do ouvinte Everardo Aguiar sobre os 45 Anos do Treze Horas.

 

________________________________________________________________________

________________________________________________________________________

Clayton Rocha, meu grande amigo!

Parabenizou-te pelos 45 anos do Pelotas 13 Horas. Sei o quanto o programa demandou de ti energia, trabalho árduo e muito sonho, para ser a referência em qualidade e respeitabilidade no cenário nacional.

Há pelo menos 30 anos sou ouvinte e, com orgulho, participante deste programa que marca a minha vida, por nele ter ouvido grandes entrevistas com entrevistados de excelência.

Maior se torna a minha alegria em comemorar esta data significativa, pois tenho a alegria de sermos verdadeiros amigos.

Abraço fraterno e apertado

Gustavo Haical

________________________________________________________________________
Equipe Treze Horas

Parabéns ao Clayton Rocha e a todos os colaboradores e aos assíduos ouvintes do Treze Horas. Aprendi a ouvir diariamente o programa com o meu pai, Clayr, admirando este espaço de debates, raro por seu caráter “livre e independente”. Neste ano, tive a enorme satisfação de participar do programa ao lado da minha filha Helena, de 10 anos, que também passa a fazer parte dessa bela história do rádio. Vida longa ao Treze, um programa de debate livre, independente e inteligente!

Jornalista Theo Rochefort

________________________________________________________________________