ESTIAGEM: CINCO MINISTROS EM HULHA NEGRA NESTA QUINTA-FEIRA

216
Lavoura afetada pela estiagem no RS — Foto: Reprodução/RBS TV
Cinco ministros de estado estarão no RS, nesta quinta-feira (23), para visitar áreas afetadas pela falta de chuvas. Os representantes irão a Hulha Negra, na Região Sul, e devem oficializar as medidas para enfrentamento da estiagem que atinge os municípios gaúchos. A região é uma das mais castigadas pela falta de chuvas, que afeta o estado pela terceira safra consecutiva. Estão na comitiva: o ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar Paulo Teixeira, o do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome Wellington Dias, o da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, Paulo Pimenta, o da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávar, Waldez Góes – Integração e do Desenvolvimento Regional e o futuro presidente da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) Edegar Pretto.
O avião vindo de Brasília chegou por volta das 9h50 em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Após uma troca de aeronave, o grupo foi para Bagé, onde aterrissou por volta das 11h. Em seguida, participam de um almoço em Hulha Negra.

QUEM VÊM AO RS

  • Paulo Teixeira – Ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar
  • Carlos Fávar – Agricultura e Pecuária
  • Wellington Dias – Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome
  • Waldez Góes – Integração e do Desenvolvimento Regional
  • Paulo Pimenta – Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, Paulo Pimenta
  • Edegar Pretto – futuro presidente da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab)

Recursos

Na noite de quarta (22), o presidente Lula autorizou um repasse de R$ 430 mi para ações de mitigação dos efeitos da estigem. Os recursos serão destinados para agricultura, desenvolvimento social e defesa civil. As ações já anunciadas pelos ministros foram:

  • R$ 24 milhões, do Ministério Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome serão repassados para famílias de baixa renda da região como um pagamento de até R$ 2.400 para famílias de pequenos agricultores cadastradas no programa Fomento Rural. O pagamento será realizado em duas parcelas de valores a serem definidos caso a caso no cadastramento do beneficiário;
  • R$ 100 milhões, do Ministério da Integração e Desenvolvimento Regional, serão utilizados no apoio às prefeituras na contratação de carros pipas para a distribuição de águas, também na aquisição e doação de cestas básicas, combustível, entre outras ações; e
  • R$ 300 milhões, Ministério do Desenvolvimento Agrário, em crédito para pequenos agricultores em duas linhas de créditos.

O governo do Rio Grande do Sul estabeleceu, em janeiro, estado de atenção por 90 dias em razão da estiagem que afeta diversos municípios desde dezembro de 2022. Conforme atualização mais recente da Defesa Civil, 317 municípios decretaram emergência devido à falta de chuva. Destes, 191 já tiveram a situação homologada pela União.

Programação da visita
  • 9h50min – Saída de Canoas para Bagé (RS)
  • 11h20min – Saída do Aeroporto de Bagé para Hulha Negra (RS)
  • 12h40min – Saída do almoço
  • 13h15min – Visita à Comunidade Nossa Senhora de Fátima, em Hulha Negra
  • 14h – Ato de anúncio das medidas do Governo Federal para enfrentamento da estiagem (Comunidade Nossa Senhora de Fátima)
  • 16h30min – Coletiva de Imprensa (Aeroporto de Bagé)