DUPLICAÇÃO DA BR-116 – GUAÍBA / PELOTAS – COMPLETA DEZ ANOS

665
Trecho da BR-116 – duplicado – entre Guaíba e Pelotas. Foto: Tadeu Vilani / Agencia RBS

Neste sábado, 20.08, a duplicação do trecho sul da BR-116, ligando Guaíba-Pelotas, uma bandeira do Treze Horas, está completando dez anos de obra. A lembrança está na edição deste fim de semana do jornal Diário Polular, em reportagem da jornalista Victoria Fonseca.

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) projetava (foram inúmeras projeções) que a obra estaria pronta em dezembro de 2021, formando 211,22 quilômetros ininterruptos de pista dupla no sentido Pelotas-Guaíba. Não aconteceu. A obra está praticamente parada e menos de 70% do trecho está realmente duplicado, revelando uma série de desencontros de informações. A nova projeção do DNIT é para conclusão em 2023. A previsão de conclusão – no momento da assinatura da ordem de serviço em 2012 – era em 2015, durando três anos.

Neste ano de 2022 há a expectativa otimista do órgão de liberar 29 quilômetros sendo 15 deles no lote cinco. Mesmo sendo considerada uma obra importante e estratégica, unindo entidades de classe de todo o RS, desejo e luta de inúmeros políticos, a obra não recebe um tratamento prioritário por parte do governo federal.  Foi rejeitada inclusive pela própria Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul.

Enquanto isso, o trecho que liga ao principal porto do RS, o Porto de Rio Grande, fica no aguardo de atenções por parte das autoridades do setor. Uma boa e talvez definitiva pauta para os que estão em busca de cargos eletivos nas eleições deste ano.