ARTIGO – TROCA DE PARTIDOS POR PARTE DE VEREADORES

457

A TROCA DE PARTIDOS POR PARTE DE VEREADORES

José Fortunatti*

Ao Treze Horas, esta mesa política do Rio Grande do Sul.

Estamos em ano eleitoral e esclarecer alguns pontos sempre é importante.

Como tem surgido várias dúvidas sobre a troca de partidos por parte de VEREADORES é importante lembrar que o TSE está com uma orientação clara:

1) os atuais vereadores filiados ao PSL e ao DEM poderão mudar de partido com a criação do União Brasil. Ou seja, os vereadores que não concordarem com a fusão poderão escolher um novo caminho;

2) os vereadores dos demais partidos NÃO PODEM trocar de partido e nem ingressar no União Brasil a não ser por decisão respaldada pela Justiça Eleitoral. O vereador que ingressar no UB sem decisão judicial certamente vai perder o mandato.

Esta explicação é necessária pois vários vereadores com mandato em vários partidos planejam ingressar no UNIÃO BRASIL. A cautela é que façam o pedido respaldados pela Justiça Eleitoral pois caso contrário acabarão perdendo o mandato.

Abraços ao amigo Clayton Rocha e a todos os amigos do 13 Horas.

José Fortunati

*Foi Prefeito de Porto Alegre e Deputado Federal