FINANCIAMENTO DE PROJETOS DE INFRAESTRUTURA NO RS É TEMA DE REUNIÃO COM EMBAIXADORA DA ESPANHA

132
Encontro ocorreu na sede da Embaixada da Espanha, em Brasília – Foto: Fábio Paiva/Ascom EBSB

O financiamento para a elaboração de projetos internacionais de interesse estratégico em infraestrutura foi um dos assuntos tratados, na última segunda-feira (2/10), em reunião entre a embaixadora da Espanha, Mar Fernández-Palacios Carmona, e o secretário-executivo do Escritório de Representação do Estado (EBSB), Henrique Pires. O encontro ocorreu na Embaixada da Espanha, em Brasília.

O Ministério da Indústria, Comércio e Turismo da Espanha dispõe do Fundo para a Internacionalização das Empresas (Fiem), específico para esse tipo de financiamento, e o Rio Grande do Sul pode ser um dos contemplados. A diplomata demonstrou interesse em visitar Porto Alegre, onde pretende se reunir com o governador Eduardo Leite.

O Fiem visa financiar estudos técnicos (estudos de viabilidade, assistências técnicas, planos setoriais, consultorias e engenharias, principalmente) que fomentem projetos alinhados à internacionalização de empresas espanholas. Existem alguns setores prioritários – como gestão de água e resíduos, melhoria da agroindústria, turismo, digitalização, energia, desenvolvimento de infraestruturas, combate às mudanças climáticas e modernização institucional, entre outros. Essa linha não reembolsável está dotada com 50 milhões de euros, sem limite por operação individual.

Na audiência também foram tratados assuntos relacionados à cooperação técnica em diversas áreas, o acordo entre Mercosul e a União Europeia e a implantação da usina termelétrica a gás do porto de Rio Grande pela empresa espanhola Cobra. Orçado em R$ 6 bilhões, o projeto é considerado estratégico pelo Estado, pois também abrange uma planta de regaseificação de Gás Natural Liquefeito (GNL) e a instalação de um píer para a atracação dos navios com o combustível.

Texto: Fábio Paiva/Ascom EBSB
Edição: Secom