DESFILE DE 7 DE SETEMBRO FOI CANCELADO

146
De acordo com a lei municipal nº 5.948, a LDN é responsável por coordenar a realização da programação da Semana da Pátria e eventos cívicos no município. Foto: SECOM / PMP

A partir da previsão de que um novo ciclone extratropical atingiria a região, a Prefeitura, o comando local do Exército, a Liga de Defesa Nacional decidiram não realizar o desfile cívico-militar este ano

O desfile do Dia da Independência do Brasil, marcado para esta quinta-feira (7), foi cancelado em razão do mau tempo em Pelotas. A decisão foi tomada em conjunto pela Prefeitura, núcleo Pelotas da Defesa Nacional (LDN), Defesa Civil Estadual, Defesa Civil Municipal e o Comando da 8ª Brigada de Infantaria Motorizada, com base nos boletins meteorológicos publicados pelo Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC) e o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) que previam a ocorrência de um novo ciclone extratropical com chuvas intensas, precipitação de granizo e ventos fortes na região a partir desta madrugada.

O presidente da LDN de Pelotas, André Luís Pereira, afirma que vários municípios já haviam cancelado os desfiles que estavam previstos para o feriado. “Foi cancelado justamente por causa da previsão climatológica. Nós estávamos apenas aguardando um boletim oficial das instituições para saber se iríamos cancelar ou não. Como essa confirmação realmente veio, decidimos pelo cancelamento, não há outra data definida”, disse.

De acordo com a lei municipal nº 5.948, a LDN é responsável por coordenar a realização da programação da Semana da Pátria e eventos cívicos no município.