BANDEIRA DO TREZE HORAS: R$ 234 MI PARA A DUPLICAÇÃO DA BR-116

220
Trecho Guaíba – Pelotas da BR-116, previsto para ficar pronto em 2014, se arrasta há mais de dez anos somente do início das obras físicas da estrada. Foto: DNIT

O governo federal adotou uma nova estratégia em relação aos investimentos para a duplicação da BR-116 entre Guaíba e Pelotas. Na gestão de Jair Bolsonaro, o término das obras ocorreria a partir de uma nova concessão, mas atualmente ao invés de incrementar o processo para novos permissionários, estão sendo liberados cerca de R$ 234 milhões, do orçamento federal para 2023. Esses recursos vão incrementar o andamento das obras neste ano e darão continuidade a obra de duplicação nos lotes restantes. Dos dez lotes da obra, apenas um lote ficou totalmente pronto, quatro estão parados e cinco estão em ritmo muito lento. Dos 211 quilômetros previstos, 136 (64% do traçado) estão sendo utilizados e de acordo com o DNIT serão necessários mais R$ 260 milhões para 2024 e com isso finalizar a obra.