PELOTAS NÃO CONTESTOU A BANDEIRA LARANJA – Podcast

74

A prefeita de Pelotas, Paula Mascarenhas , participando do Treze Horas desta segunda-feira, 22.06, foi enfática ao explicar os motivos que não motivariam a contestar a alteração da ‘bandeira’ da cidade que voltou a ser Laranja a partir desta terça-feira, 23.06.

Quanto à possibilidade de contestar, que havia até ontem, a atualização preliminar do Distanciamento Controlado, Paula garantiu que não iria realizar contestação. “A gente vê um aumento no número de casos. Isso é incontestável. E, como a nossa primeira preocupação é com a preservação da vida, não temos porque contestar uma bandeira que nos coloca em um alerta maior”, defendeu a chefe do Executivo e salientou na entrevista ao Treze Horas. Confira a manifestação da prefeita no Podcast abaixo:

Outras regiões

Além da alteração na Região de Pelotas, 12 das 20 regiões sofreram mudanças nesta rodada. Oito regiões tiveram piora na classificação final e, consequentemente, terão maiores restrições em atividades. Porto Alegre, Capão da Canoa, Novo Hamburgo, Canoas e Palmeira das Missões, que estavam em bandeira laranja, foram para vermelha (risco alto). E duas, Cachoeira do Sul e Santa Cruz do Sul, passaram de amarela para laranja.

Quanto à redução de risco, quatro regiões apresentaram melhora em indicadores e migraram para bandeira laranja: Caxias do Sul e Uruguaiana, que estavam com bandeira vermelha na última semana. As regiões de Bagé e Santa Rosa também reduziram riscos, saindo da bandeira laranja para amarela.