FAB UTILIZA AEROPORTO JOÃO SIMÕES LOPES NETO COMO PONTO DE APOIO

255
As aeronaves, que têm capacidade para transportar 12 mil litros de água, estiveram na operação em campo por 21 dias e, de acordo com a Força Aérea Brasileira. Foto: CCR / Divulgação

As aeronaves C-130 Hércules pousaram no aeroporto gaúcho para realizar imigração e fazer o abastecimento

O Aeroporto Internacional de Pelotas (PET), administrado pela CCR Aeroportos, recebeu as aeronaves modelo C-130 Hércules da Força Aérea Brasileira (FAB), com o objetivo de apoiar no retorno da missão de combate aos incêndios florestais que atingiram a cidade de Concepción, no Chile.

Por se tratar de um local logisticamente estratégico, o terminal aeroportuário da cidade gaúcha serviu como ponto de apoio no abastecimento das aeronaves que voltavam do Chile, oferecendo suporte para a missão. Como PET é alfandegado para realizar operações internacionais, a FAB também utiliza o aeroporto para realizar o processo de imigração.

As aeronaves, que têm capacidade para transportar 12 mil litros de água, estiveram na operação em campo por 21 dias e, de acordo com a Força Aérea Brasileira, elas transportaram um equipamento que pesa 770 quilos, que conta com dois tubos que projetam água pela rampa traseira do avião a uma altura aproximada de 46 metros. Agora, os aviões retornaram para sua base no Rio de Janeiro.