CIENTISTA GAÚCHO EM LANÇAMENTO DE SATÉLITE NO CAZAQUISTÃO FALOU AO TREZE HORAS – Podcast

164
Divulgação/Os professores da UFSM Eduardo Escobar Bürger (à esq.) e Andrei Piccinini Legg acompanharam o deslocamento do foguete Soyuz 2 que levará o nanossatélite brasileiro ao espaço.

O cientista gaúcho, Andrei Piccinini Legg, de Santa Maria, está no Cazaquistão acompanhando o lançamento de um satélite desenvolvido aqui na UFSM. O nanossatélite desenvolvido pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), foi lançado, na madrugada de segunda-feira (22), no Cazaquistão. O equipamento foi levado até a órbita a bordo de um foguete russo.

Confira a participação de Andrei Piccinini Legg no Treze Horas e antes do empresário Fabrício Iribarren (que também participou do Treze), que contextualiza a importância do evento para a ciência espacial brasileira.

EMPRESÁRIO FABRÍCIO IRIBARREM APRESENTA O TRABALHO DE CIENTISTA GAÚCHO QUE ESTÁ NO CAZAQUISTÃO – Podcast

CIENTISTA DA UFSM ANDREI PICCININI LEGG AO TREZE HORAS – Podcast

Andrei Piccinini Legg
Engenheiro Eletricista com mestrado e doutorado em engenharia elétrica, área de concentração processamento de sinais e telecomunicações. Professor da UFSM no departamento de engenharia elétrica e computação (DELC). Atual diretor do LACESM (laboratório de ciências espaciais de Santa Maria). É graduação em engenharia mecânica pela UFSM, mestrado e doutorado em Engenharia e gerenciamento de Sistemas Espaciais pelo INPE.