ARTIGO – UMA SOLUÇÃO PARA OS RESTAURANTES DE PELOTAS – Podcast

210
UMA SOLUÇÃO PARA OS RESTAURANTES DE PELOTAS
Por Clayton Rocha
.
A maioria dos restaurantes vinha respeitando todas as normas do decreto e no momento estão enfrentando, neste trecho derradeiro do ano, dificuldades de toda ordem. Alguns trabalham somente à noite e contam com uma grande quantidade de colaboradores, estando sem atendimento presencial desde 02/ dezembro.
.
Os insumos estão subindo muito e os donos de restaurantes acabam arcando com essa diferença sem poder repassá-la ao consumidor. Um exemplo disso? O óleo de soja de R$ 3,00 passou para R$ 7,00, além de outros itens com aumentos significativos.
.
A pergunta é uma só: Como irão sobreviver tantas famílias envolvidas nessa nobre atividade depois de encerradas de vez as suas atividades?
.
O ideal, na avaliação daqueles que atuam nesse ramo de atividade, seria a aplicação de normas rígidas, ou seja, a suspensão de Alvarás por 6 meses se descumpridas as normas. Tal medida evitaria grandes prejuízos aos que tentam sobreviver trabalhando corretamente.
.
De outra parte a Classe se pergunta, diante da gravidade deste novo cenário, (e que merece o respeito de todos), se na próxima terça-feira, 15 de dezembro de 2020, poderá voltar ou não a trabalhar. Essa incerteza, uma unanimidade entre os profissionais do ramo é, a valer, o que mais dói no íntimo de cada um.
.
Além do mais, destacam esses trabalhadores que há a perda de produtos que tem a sua validade vencida; além de não saberem sobre a quantidade certa de compras a fazer em variados itens, na medida em que desconhecem as datas nas quais poderão desenvolver suas atividades profissionais.
.
DEBATE 13 H
Pelotas, 8 de dezembro de 2020.
UMA SOLUÇÃO PARA OS RESTAURANTES DE PELOTAS – Podcast