A PROFESSORA QUE CRIOU UMA ORQUESTRA

582

A professora que criou uma orquestra

Lourenço Cazarré*

Dona Dalva Ramil faleceu em 24 de maio de 2024, na data exata em que completava 98 anos. No livro Almanário de Pelotas, foi homenageada com um dos textos mais extensos:

Dona Dalva Ramil (Pelotas -1926/2024) – Professora, mãe e avó de muitos artistas, na maioria músicos. Conheceu Kleber Ramil em um baile de carnaval do Centro Português. Quando se casaram, ela já estava formada, mas ele ainda cursava engenharia. A partir de então, constituíram uma família que é quase uma orquestra. O filho mais velho, o médico Kleber, emplacou três entre as dez músicas vencedoras do 2o. Samba Jovem, que integram o primeiro LP gravado em Pelotas, em 1971. Uma dessas músicas foi cantada pela esposa de Kleber, Citânia. O segundo e o terceiro filhos formam uma das mais famosas duplas da MPB: “Maria Fumaça” e “Deu pra ti”. Lembrou? Bem, a quarta é a Branquinha, produtora que gerencia a carreira dos três irmãos. Katia, que veio depois, é médica e, também, mãe de músicos. E tem o caçula, igualmente milongueiro. Já escutou “Joquim”? Então, ouça!

Chegamos agora aos netos. Quatro deles integram – junto com os pais – aquela anunciada quase orquestra, que se apresenta em um show chamado Casa Ramil. São eles o João, filho de Kledir e Ivone; o Ian, filho de Vitor e Ana Ruth; mais a Gutcha e o Thiago, filhos de Katia com Clovis Magalhães. Mas a participação da segunda geração não se dá apenas no palco. Atuaram ainda Karina, atriz, que fez a direção cênica, e Kaio, na produção do espetáculo ao lado da tia Branca. Kaio e Karina são filhos do maestro Kleiton com Luciana Duque. Da concepção visual de Casa Ramil participou a Isabel, artista plástica, filha de Vitor e Ana Ruth. A relação dos netos, todos eles com atividades ligadas às artes, inclui ainda Francine, Chris, Iuri, Kamila e Julia. E não paramos por aí, não. Lucas, Laura, Iker e Nina são os bisnetos.

Então, tendo em vista o que foi dito acima, quais seriam os melhores momentos da vida da matriarca do clã dos galegos (Ramil) que chegaram ao Brasil vindos do Uruguai? Isso mesmo: reunir na sua casa de praia do Laranjal, nas noites mais enluaradas de verão, seus numerosos descendentes artistas para um sarau de dança e música.

*Jornalista e escritor.