RECORDE DE NOVOS CASOS DE COVID-19 EM PELOTAS DESDE O INÍCIO DA PANDEMIA

25
Vacinação tem sido decisiva em relação ao não aumento de casos de hospitalizações.

O painel covid da Secretaria Municipal de Saúde de Pelotas revelou 667 novos casos de Covid-19 em Pelotas nesta sexta-feira, 14.02. É o maior número de infectados desde o início da pandemia. A cidade tem ainda 3043 isolados e mais de 2000 casos em análise o que supera os 5 mil casos, números nunca antes vistos durante o processo pandêmico.

Em compensação as novas contaminações não estão onerando o sistema hospitalar, que continua com números dentro de uma média razoável, ou cerca de 50 por cento de ocupação para os leitos Covid, destinados pelos hospitais.

ESTADO

Nos últimos sete dias, a média semanal de casos confirmados no Rio Grande do Sul cresceu mais de cinco vezes, passando de 81,9 para 411,5. Há também um aumento do número de internados em leitos clínicos, ainda que em menor proporção do que o crescimento de casos confirmados. Atualmente, há 603 leitos clínicos ocupados por pacientes com quadro confirmado ou suspeito de Covid-19; em 2 de janeiro, eram 297.

CUSTEIO

Um dos encaminhamentos da reunião foi a elaboração de um ofício, por parte do governo do Estado, ao Ministério da Saúde, solicitando a manutenção do custeio de leitos clínicos e de UTI para o tratamento da Covid-19, a fim de evitar o colapso no sentido da falta de leitos. O ministério anunciou, em dezembro, que deixará de custear os leitos Covid a partir de 1º de fevereiro.