ABERTURA DA COLHEITA DO ARROZ OCORRE ATÉ AMANHÃ E REALIZA HOMENAGEM A HENRIQUE FEIJÓ

101
Nesta 32ª. edição, o tema escolhido foi “A produção de alimentos no pós-pandemia. Novos patamares, novos desafios” e será o eixo central da programação do evento.

A realização da 32ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz e Grãos em Terras Baixas possui o objetivo de desenvolver e integrar o setor agrícola da Região Sul do Estado do RS e debater sobre a cadeia produtiva do arroz e grãos em terras baixas, além de ser a maior, dentre todas as aberturas de colheita de grãos das Américas. O evento, que nessa próxima edição ocorrerá nos formatos on-line e presencial, reúne produtores de diversas regiões do país e do exterior, engenheiros agrônomos e técnicos, agentes políticos, as principais instituições de pesquisa e ensino do setor, além das empresas que mais investem em tecnologia agrícola para terras baixas no mundo.

Nesta 32ª. edição, o tema escolhido foi “A produção de alimentos no pós-pandemia. Novos patamares, novos desafios” e será o eixo central da programação do evento. Serão 3 dias de Roteiro Técnico nas Vitrines Tecnológicas, Palestras, Fóruns, Reunião da Câmara Setorial Nacional do Arroz, Feira e Homenagens “Pá do Arroz”. E no último dia, 18/02/2022 às 14hs, ocorrerá o Ato Simbólico da Abertura Oficial da Colheita do Arroz e Grãos em Terras Baixas na sede da Embrapa de Capão de Leão/RS.

O evento é uma realização da Federarroz – Federação das Associações de Arrozeiros do RS, correalização da Estação Terras Baixas da Embrapa Clima Temperado e Apoio do IRGA – Instituto Riograndense do Arroz.

 

EXECUTIVO DA AZONASUL RECEBE HOMENAGEM DA FEDERARROZ

O economista Henrique Alves Feijó, secretário executivo da Associação dos Municípios da Zona Sul (Azonasul) recebe nesta quinta-feira (17) a homenagem Pá do Arroz, outorgada pela Federação das Associações de Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz), em reconhecimento aos apoiadores da do setor. A cerimônia integra a programação oficial da 32ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz e ocorre a partir das 19horas, no auditório da sede da Estação Experimental Terras baixas Embrapa Clima Temperado, em Capão do Leão.

Feijó receberá o reconhecimento especial pela sua liderança na atuação da Azonasul na aproximação da Federação com as prefeituras da região e na permanente valorização à realização da Colheita na Zona Sul. Também serão homenageados na cerimônia, que terá o patrocínio de Supremo Insumos – Josapar, os produtores Marlon Fraga e Matheus Fraga na categoria Lavoura Nota 10, Frederico Wolf como Produtor Destaque, Marjorie Kauffmann como Técnica Estadual, Lucas Christofer Sena como Amigo da Lavoura, Guilherme Gadret da Silva na categoria Mercado Externo, Domingos Antônio Velho Lopes na de sustentabilidade e Anderson Belloli o homenageado especial, além de outros reconhecimentos especiais para André Amaro Farias e Thiago de Moraes Melo.

Com o tema “A Produção De Alimentos No Pós-Pandemia. Novos Patamares, Novos Desafios”, o evento ocorre até o dia 18 de fevereiro em formato híbrido com atividades presenciais e on-line. A programação conta com as vitrines tecnológicas, feira, palestras e debates, homenagens e ato da Abertura Oficial. A organização é da Federarroz com correalização da Embrapa e patrocínio Premium do Irga e do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Informações e inscrições podem ser obtidas pelo aplicativo Colheita do Arroz ou no site www.colheitadoarroz.com.br .