R$ 1 MI PARA EMPREENDEDORES VÍTIMAS DA ENCHENTE EM PELOTAS

102
O anúncio foi feito na última terça-feira pelo deputado e a prefeita Paula Mascarenhas (PSDB), e o titular da Sdeti, Gilmar Bazanella. Foto: Lucian Brum

R$ 1 milhão para os empreendedores vítimas da enchente em Pelotas

Emenda do deputado Daniel Trzeciak (PSDB) irá ajudar empresários a se reerguer

Os empreendedores de Pelotas terão disponibilizados R$ 1 milhão a fundo perdido – sem a necessidade de devolução – para investir na recuperação das empresas atingidas pelas enchentes. O recurso de emenda está garantido pelo deputado federal Daniel Trzeciak (PSDB-RS), como forma de ajudar aqueles que investem na cidade e tiveram perdas materiais e econômicas durante a situação de emergência. Um Projeto de Lei com as regras e orientação pela Secretaria de Desenvolvimento, Turismo e Inovação (Sdeti) está sendo montado para ser enviado à Câmara de Vereadores nos próximos dias.

O anúncio foi feito na última terça-feira pelo deputado e a prefeita Paula Mascarenhas (PSDB), e o titular da Sdeti, Gilmar Bazanella. Denominado Meu Negócio de Volta, a ideia é oferecer capital de giro a quem foi atingido pelas enchentes para retomar os empreendimentos. A expectativa é contemplar mais de 200 proprietários de empresas, sejam Microempreendedor Individual (MEI), Microempreendedor (ME) e Empresa de Pequeno Porte (EPP).

O valor que cada um terá direito será definido conforme a demanda e após o encerramento do período de cadastramento dos interessados. Só poderá se habilitar quem estiver localizado nas áreas atingidas pelas enchentes e mapeadas pela Prefeitura. O início das inscrições serão anunciado nos próximos dias, após a aprovação do PL pelos vereadores.

“Precisamos ajudar quem aquece nossa economia. Será um suporte para os empreendedores locais. Então todos eles, pequenos, médios ou que sejam um pouco maiores, atingidos pela enchente, terão condições de ter esse recurso. Não é empréstimo, é recurso de capital de giro, de livre aplicação, para que esse vendedor, da Z-3, do Valverde, do Simões Lopes, possa voltar a trabalhar o mais rápido possível”, afirmou o deputado, ao lado da prefeita.

Paula Mascarenhas lembrou que a cidade começa a se recuperar, as pessoas estão voltando para casa e a vida será retomada. Assim, garantir que a renda chegue às pessoas impactadas pelas enchentes será fundamental, por isso a emenda destinada pelo deputado é tão importante nesse momento.

Divisão

O valor que cada empreendedor terá direito dependerá do número de inscritos. Porém, uma divisão inicial foi estabelecida da seguinte forma:

MEI – até R$ 3 mil
ME (com até um funcionário) – até R$ 5 mil
EPP (com mais de um funcionário) – até R$ 10 mil
Autônomos – terão a oportunidade de também receber o recurso se fizerem a regularização do empreendimento.

.