PADRE JACOB LÉO POERSCH, NOME CONSAGRADO EM PELOTAS

193
O padre Léo Poersch atuou na Diocese de Pelotas durante os períodos de Dom Antônio Záttera e de Dom Jayme Henrique Chemello e, por último, na Arquidiocese de Pelotas comandada por Dom Jacinto Bergmann.

PADRE JACOB LÉO POERSCH, NOME CONSAGRADO EM PELOTAS

Atuou na Igreja Católica nos períodos de Dom Antônio, Dom Jayme e Dom Jacinto.
.
Faleceu na tarde de ontem, em Pelotas, um dos religiosos mais conhecidos e respeitados da Igreja Católica, o padre Léo Poersch. Ele atuou na Diocese de Pelotas durante os períodos de Dom Antônio Záttera e de Dom Jayme Henrique Chemello e, por último, na Arquidiocese de Pelotas comandada por Dom Jacinto Bergmann.
.
NATURAL DE BOM PRINCÍPIO
Filho de Afonso e Maria Poersch, nascido em 28 de agosto de 1926, era natural de Bom Princípio. Teve outros treze irmãos, dentre eles dois sacerdotes – Padre Libório Poersch (do clero da Arquidiocese de Pelotas) e Padre José (sacerdote jesuíta), bem como o irmão Aloísio Belchior (religioso jesuíta), já falecidos. Foi ordenado sacerdote em 20 de abril de 1952, por Dom Antônio Zattera. Foi professor no Seminário São Francisco de Paula, Secretário do Bispado, e atuou nas Paróquias de Jaguarão e Hulha Negra, ainda na década de 1950.
.
ATUAÇÃO NA UCPel
Em 1959 e até 1972 foi secretário de diversos cursos da Universidade Católica de Pelotas. Em 1964, assumiu, a pedido de Dom Antônio Záttera, o posto de Capelão Militar nas guarnições de Pelotas, Rio Grande, Jaguarão e Santa Vitória do Palmar. Tal função foi desempenhada até o ano de 1968. De 1973 até 1996, lecionou na Universidade Católica. No período 1956-1957 foi pároco da Catedral São Francisco de Paula; de 1986 a 1988, atuou na Paróquia Senhor Ressuscitado, no Bairro Areal.
.
BENFEITOR DO SANTUÁRIO DE GUADALUPE
A partir de 1987, foi um grande benfeitor do Santuário Nossa Senhora de Guadalupe (Cascata), dedicando valiosas quantias para a edificação das dependências do Santuário. Até maio de 2011 foi capelão do Asilo de Mendigos de Pelotas, realizando atendimento espiritual e celebrando diariamente a Santa Missa.
.
A partir de agosto de 2011, com a saúde debilitada, passou a residir com seus familiares diáconos José Inácio e Sandra Persch, no distrito de Monte Bonito. (13 Horas).