PELOTAS PREPARA VACINAÇÃO DE IDOSOS ACIMA DE 85 ANOS A PARTIR DE QUARTA-FEIRA, 10.02

154
A remessa de 7.110 doses servirá para a imunização, a partir de quarta-feira (10), de idosos acima de 85 anos e de profissionais da saúde.

Com a chegada de novo lote de doses, a aplicação do grupo começará na quarta-feira (10)

Novo lote de vacinas contra o coronavírus será entregue a Pelotas nesta terça-feira (9). A remessa de 7.110 doses servirá para a imunização, a partir de quarta-feira (10), de idosos acima de 85 anos e de profissionais da saúde.  De acordo com a 3ª Coordenadoria Regional de Saúde, são 4.890 aplicações para os idosos integrantes do grupo e 2.220 destinadas aos trabalhadores da saúde. Conforme a direção de Atenção Primária da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), os idosos receberão a vacina nas seguintes Unidades Básicas de Saúde (UBSs):

  • UBS Simões Lopes;
  • UBS Lindoia;
  • UBS Salgado Filho;
  • UBS Fraget;
  • UBS Laranjal;
  • UBS Porto; e,
  • UBS Bom Jesus.

A vacinação ocorrerá das 10h às 15h. Os beneficiados deverão apresentar documento de identidade (RG ou CPF), comprovante de residência e o cartão SUS. A SMS reitera a informação que a aplicação ocorrerá enquanto houver estoque disponível.

Sintomas gripais

A diretora da Atenção Primária, Mariane Laroque, informa que, nas unidades selecionadas para aplicação das vacinas, o atendimento para pessoas com sintomas gripais estará suspenso. “O paciente deverá procurar a UBS mais próxima do local onde mora e que não esteja imunizando os idosos”, alerta.

Acamados

A SMS reforça a importância dos idosos acamados serem cadastrados no site da Prefeitura para garantir a aplicação. Equipes da Secretaria irão até as casas das pessoas cadastradas para realizar a imunização.

Força-tarefa

No terceiro dia da força-tarefa da Prefeitura, além de continuar imunizando médicos, dentistas, fisioterapeutas, auxiliares e técnicos de Enfermagem e enfermeiros, com mais de 60 anos, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) estendeu a vacinação para todos os profissionais e trabalhadores de serviços de saúde ativos, com mais de 60 anos.

A Vigilância Epidemiológica registrou cerca de 600 pessoas contempladas. O mutirão se estende até terça-feira (9), das 9h às 19h, nos prédios do IFSul.