GOVERNO DO ESTADO RECEBE DOIS PEDIDOS DE RECONSIDERAÇÃO

146
Divulgada na sexta-feira (25/12), a classificação preliminar desta rodada indicou 15 das 21 regiões Covid com alto índice de contágio e de ocupação dos hospitais por coronavírus, o que representa 76,5% da população gaúcha no nível vermelho. Apenas Guaíba, Taquara, Novo Hamburgo, Cruz Alta, Pelotas, Bagé e Guaíba apresentaram risco epidemiológico médio e, portanto, receberam bandeira laranja.

O governo do Estado recebeu, até as 7h deste domingo (27/12), dois pedidos de reconsideração ao mapa preliminar da 34ª rodada do modelo de Distanciamento Controlado. As solicitações para reduzir o nível de restrições vieram de uma região e um município classificados previamente em bandeira vermelha. É o menor número de pedidos desde a 27ª rodada, que também recebeu duas solicitações em 7 de novembro. Antes disso, houve semanas com um ou nenhum pedido.

Divulgada na sexta-feira (25/12), a classificação preliminar desta rodada indicou 15 das 21 regiões Covid com alto índice de contágio e de ocupação dos hospitais por coronavírus, o que representa 76,5% da população gaúcha no nível vermelho. Apenas Guaíba, Taquara, Novo Hamburgo, Cruz Alta, Pelotas, Bagé e Guaíba apresentaram risco epidemiológico médio e, portanto, receberam bandeira laranja.

O Gabinete de Crise vai analisar os pedidos de reconsideração e divulgar o mapa definitivo na tarde desta segunda-feira (28/12). A vigência das novas bandeiras começa à 0h de terça-feira (29/12) e se encerra às 23h59 de segunda-feira (4/1).

Entre as 19 regiões Covid que aderiram ao sistema de cogestão regional, as 14 que estão em bandeira vermelha podem adotar os protocolos próprios compatíveis até o nível de restrição da bandeira laranja. Já as cinco regiões classificadas em laranja que estão na cogestão podem utilizar protocolos de bandeira amarela.

As únicas regiões que obrigatoriamente têm de seguir as regras definidas pelo Estado são Uruguaiana e Guaíba, que não enviaram planos regionais. Caso ainda não tenham sido enviados protocolos ou o plano regional não esteja vigente, o governo abre a possibilidade de recepção imediata de padrões mais flexíveis até a bandeira imediatamente inferior, sem esperar prazo de 48 horas para submissão e validade de novo plano regional.

Veja o histórico de pedidos de reconsideração:

Rodada Data Recursos
34ª 27/12 2
33ª 20/12 3
32ª 13/12 5
31ª 6/12 8
30ª 29/11 11
29ª 22/11 15
28ª 15/11 12
27ª 8/11 2
26ª 1°/11 1
25ª 25/10 2
24ª 18/10 0
23ª 11/10 1
22ª 4/10 0
21ª 27/9 0
20ª 20/9 8
19ª 13/9 8
18ª 6/9 7
17ª 30/8 7
16ª 23/8 10
15ª 16/8 28
14ª 9/8 25
13ª 2/8 34
12ª 26/7 49
11ª 19/7 59
10ª 12/7 63
5/7 37
28/6 67
22/6 30

 

Obs.: até a sexta rodada, o modelo de Distanciamento Controlado não previa possibilidade de recursos.