GOVERNADOR EDUARDO LEITE TEM ENCONTRO COM O PRÍNCIPE CHARLES NA ESCÓCIA – Podcast

63
Em encontro com príncipe Charles, governadores reafirmam compromisso com metas sustentáveis. A reunião com príncipe de Gales ocorreu no Museu e Galeria de Arte Kelvingrove, em Glasgow – Foto: Divulgação

GOVERNADOR EDUARDO LEITE TEM ENCONTRO COM O PRÍNCIPE CHARLES NA ESCÓCIA – Podcast

Reunião foi restrita a convidados e envolveu governadores comprometidos com a campanha Race to Zero

A última agenda do segundo dia do governador Eduardo Leite na 26ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática (COP26), em Glasgow, na Escócia, foi um encontro de governadores com o príncipe Charles, herdeiro do trono britânico. Além de Leite, compareceram ao encontro nesta quinta-feira (4/11) os governadores Renato Casagrande (do Espírito Santo) e Mauro Mendes (Mato Grosso), acompanhados de secretários dos Estados e prefeitos.

A reunião com o príncipe de Gales ocorreu no Museu e Galeria de Arte Kelvingrove, em Glasgow, e foi viabilizada pela Iniciativa de Mercados Sustentáveis (SMI), criada para acelerar o progresso global em direção a um futuro sustentável. Os governadores e prefeitos que participaram já declararam, em algum momento, estarem comprometidos com a campanha Race to Zero, que estimula a redução das emissões de carbono. Os principais tópicos da reunião foram os desafios e as oportunidades relacionados às mudanças climáticas no Brasil, como projetos de infraestrutura.

“Mais uma oportunidade de estarmos juntos para alinhar estratégias e puxar em direção das nossas metas de descarbonização da economia. Apresentamos toda uma visão de Brasil, especialmente focada na Amazônia, no reflorestamento e na proteção das florestas. Coube a mim, como governador do RS, falar da nossa diversidade, do nosso pampa, e das estratégias que estão alinhadas desde que assumimos o compromisso Race to Zero, direcionado a zerar emissões de carbono até 2050”, detalhou Leite.

O plano do RS que integrará a Race to Zero será desenvolvido nos próximos 12 meses e executado imediatamente. De acordo com o secretário-chefe da Casa Civil, Artur Lemos Júnior, deve contemplar a matriz energética do transporte rodoviário, o maior responsável pelas emissões de carbono, e a recuperação de florestas plantadas.

COP26 ministro UK 1
Leite apresentou ao ministro do Meio Ambiente e Clima Internacional do Reino Unido, Zac Goldsmith, os projetos ambientais do RS – Foto: Maurício Tonetto / Palácio Piratini

Ainda na tarde de quinta (4), o governador realizou uma reunião de trabalho com o ministro do Meio Ambiente e Clima Internacional e do Bem-Estar Animal e Florestas do Reino Unido, Zac Goldsmith. Foram apresentados os projetos ambientais do RS, em especial aqueles dedicados à preservação do verde gaúcho.

“Apresentamos nosso portfólio de projetos no RS, com foco e atenção especial no programa de reflorestamento e de geração de hidrogênio verde. Fortalecemos a importância de atuarmos, em conjunto com os Estados, na proteção da Amazônia, mas também chamando a atenção para a multiplicidade de biomas do país e a diversidade, tendo condições de demonstrar algumas iniciativas que temos, sempre desenvolvendo para proteger”, destacou Artur Lemos.

O encontro com o príncipe Charles, que não foi aberto à participação da imprensa, foi o último da tarde desta quinta (4). Mais cedo, Leite ainda participou de mais um painel no Brazil Climate Action Hub, intitulado “Clima e Desenvolvimento: Visões para o Brasil 2030”, também organizado pelo Instituto Clima e Desenvolvimento, ao lado do governador Renato Casagrande (ES), do secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente de São Paulo, Marcos Penido, da deputada federal Joenia Wapichana e de Sergio Suchodolski (do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais – BDMG).

COP26 ministro Bento Albuquerque
No espaço dedicado ao governo do Brasil na COP26, Leite se reuniu com o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque – Foto: Maurício Tonetto / Palácio Piratini

“Do ponto de vista de formação de consciência, já avançamos muito. Ainda há muito a avançar, e a ausência do governo federal no debate gera essa mobilização mais intensa por parte dos entes subnacionais. Depois de definirmos nossas metas, temos de passar para a prática, para a transição justa sem deixar ninguém para trás e que contemple todas as especificidades. Precisamos oferecer uma alternativa econômica a quem está associado a essa economia não sustentável. Certamente, não o fazem porque desejam, e sim porque não conhecem alternativa sustentável”, explicou Leite, destacando que o engajamento de lideranças estaduais no tema é inédito.

COP26 embaixador
Leite teve encontro com o embaixador Paulino Franco de Carvalho Neto, secretário de Assuntos de Soberania Nacional e Cidadania – Foto: Maurício Tonetto / Palácio Piratini

No espaço dedicado ao governo federal do Brasil na COP26, o governador Eduardo Leite também encontrou, nesta quinta (4), o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e o embaixador Paulino Franco de Carvalho Neto, atualmente secretário de Assuntos de Soberania Nacional e Cidadania. Os assuntos tratados brevemente foram o curso das privatizações no RS e as agendas climáticas da COP26 desta quinta (4).

A passagem da comitiva estadual pela COP26 termina na sexta-feira (5) pela manhã. Além do governador, compõem o grupo os secretários Artur Lemos Júnior (Casa Civil) e Luiz Henrique Viana (Meio Ambiente e Infraestrutura). O retorno ao Brasil está previsto para sábado (6/11), e começa já nesta sexta.

Texto: Suzy Scarton
Edição: Marcelo Flach/Secom